Quem nós somos

Nossa história

    Joinville era conhecida como a cidade das bicicletas, com os anos e a facilidade de acesso ao automóvel esta identidade foi se perdendo. Nos últimos anos o ciclismo como uma alternativa de esporte foi se desenvolvendo e vários grupos se organizaram na cidade, inicialmente desconexos. Em 2006 o Laercio Batista iniciou a organização de passeios longos integrando vários grupos e acabou promovendo uma sinergia entre os ciclistas. Esta mobilização de certa forma natural incentivada pela bicicleta, paixão comum de todos, gerou a nossa primeira iniciativa, um a baixo assinado pedindo melhorias na infraestrutura para a bicicleta. Um tempo depois nos organizamos novamente para organizar o primeiro dia mundial sem carro em Joinville, no dia 22 de setembro de 2007. 
    Os primeiros rascunhos dos objetivos do Pedala Joinville foram feitos por: Alexsandra Turnes, Dietmar Lilie, Gerson Baumer, Laercio Batista Jr e Wilson Guesser. Decidimos definir a data de fundação do Pedala Joinville o evento de 22 de setembro de 2007, o dia mundial sem carro.

Vídeo do YouTube

O primeiro dia mundial sem carro de Joinville que promovemos.


      O movimento foi se estruturando, crescendo e em 2009 decidimos tornar o Pedala Joinville um entidade formal. Criamos a Associação Movimento Pedala Joinville com CNPJ e as formalidades necessárias. 

    O movimento passou a focar mais na mobilidade e menos nos passeios ciclísticos. Adotamos uma postura construtiva, entendendo os problemas, participando da solução e não ficando só na crítica vazia. Fomos construindo a nossa credibilidade na sociedade e em 2016 ganhamos o titulo de utilidade Pública, LEI Nº 8180, DE 08 DE MARÇO DE 2016.


O que pensamos

    Neste tempo de atuação do Pedala Joinville nós nos dedicamos a entender o impacto da bicicleta nos centros urbanos, lemos artigos, participamos de palestras, trouxemos palestrantes para Joinville e em viagens particulares dos nossos associados para cidades de vários lugares do mundo, moldamos o nosso conhecimento a respeito do impacto da bicicleta nos centros urbanos. Hoje estamos convencidos que a bicicleta é um grande fator para resgatar a qualidade de vida de uma cidade. 
    Não somos radicais em dizer que o carro é algo ruim, mas entendemos que nos centros urbanos o carro não é o meio de locomoção correto. Carros, pedestres e ciclistas formam uma mistura perigosa. O carro é feito para deslocamentos longos e em áreas sem a presença de pedestres. 
    Quando conseguimos dar espaço para as pessoas nos centros urbanos a qualidade de vida da cidade aflora, já quando damos muito espaço para o carro a cidade é afogada pelo grande espaço necessário para o carro e o risco que ele traz para as pessoas, tornando o centro urbano morto.

O Pedala atual

    Nas últimas gestões estamos construindo um Pedala Joinville mais aberto, buscando a participação de entusiastas da bicicleta e que queiram doar um pouco do seu tempo para melhorar a qualidade de vida de Joinville.

    Hoje participamos no "COTRAN" e no "Conselho da Cidade", trabalhamos ativamente para difundir o uso da bicicleta através de várias atividades, para você ter mais detalhes acompanhe elas nos nossos relatórios anuais (Realizações) e no Facebook do Pedala Joinville.

O centro de Joinville repleto de bicicletas (22/09/2007)
Comments